domingo, 28 de março de 2010

"TEM VERGONHA DE DIZER QUE É DE PORTIMÃO"










Violação do direito à saúde e à qualidade de vida é o que vem a acontecer há vários anos no centro da cidade, paredes meias com a Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes, a uma dúzia de metros do Mercado Municipal, junto ao cemitério, perto dos Bombeiros.
Há um ano denunciei o estado em que se encontravam dezenas de famílias ciganas e apelei ao
Sr. Presidente Dr. Manuel da Luz para:
1ºApertar a fiscalização por forma a não se verificar a instalação de mais famílias.
2ºMandar limpar todo o espaço, retirando o lixo e obrigando os moradores a serem mais asseados.
3ºArranjar outro local com melhores condições de higiene para estas pessoas, dando simultâneamente aos moradores daquela zona mais saúde, segurança e qualidade de vida.
Nada foi feito e hoje verifica-se que:
1º Existem mais barracas do que há um ano atrás (nascem todas as semanas).
2º Existem depósitos de sucata e armazenamento de produtos perigosos.
3º Procede-se diariamente à queima de vários resíduos sólidos, tais como cabos eléctricos, madeiras e plásticos, da qual resulta a libertação de fumos, poeiras e cheiros.
4º Homens e animais defecam provocando um cheiro nauseabundo e uma grande falta de higiene.
5º A falta de esgotos origina grandes lamaçais com águas podres e a proliferação de roedores.
Este é um terreno pertencente à Câmara Municipal de Portimão onde se amontoam, sem qualquer ordenamento, dezenas de barracas, sucatas a céu aberto, entulho e demais detritos.
É este o espectáculo que é dado a centenas de moradores e àqueles que nos visitam, contrariando o equilíbrio paisagístico pretendido por todos.
O Marafado continua a dizer "tenho vergonha de dizer que sou de Portimão" e isto porque não vê, da parte de quem tem responsabilidades (Dr. Manuel da Luz e Ministério Público), a tomada de qualquer medida para solucionar os problemas.
Continuo à espera de resposta das seguintes entidades:
Delegada de saúde :Drª Lisete Romão
ASAE :Dr.Filipe Meirinho
Ministra da Saúde : Drª Ana Jorge
Câmara Municipal de Portimão

3 comentários:

Francisco disse...

Tem toda a razão. É inconcebivel, como é permitida uma situção destas, no centro de Portimão. Que rico cartão de visita da cidade, nem precisam de fazer visitas guiadas, porque, é um lugar quase de passagem obrigatória, para quem visita a cidade. O sr presidente da câmara, talvez pense que a imagem da cidade é a dele, dada a evidente preocupação em aparecer na comunicação social. Uns passeios a pé pela cidade, por toda a vereação, seria uma iniciativa bastante utíl, desde que não fossem de olhos vendados.
Há pequenas coisas que se podem melhorar, sem grandes investimentos.

CPJ disse...

Meu Caro Marafado,

Insiste, não desistas, mas prepara-te para muito mais. A classe governante de Portimão não presta, não te merece. O teu serviço cívico não devia ser gasto em tamanha "cambada". O que vale é não és dos que desistem.

Anónimo disse...

ja ha algum tempo vivo em portimao e acho que o dr manuel da luz tem feito um bom tabalho quem nao ouviu hoje falar de portimao seja pelas festas pelo progresso pelas areas comerciais abrangendo toda a cidade os restaurantes pitorescos os passeios turismo a nossa vossa simpatia quanto aos ciganos nao me parece que facam tanto estrago como alguns estrangeiros que tem gangues que roubam e matam ciganos ha em todo o lado deixem os viver no canto deles nao se misturem se nao gostame nos ficamos ca no nosso canto vivemdo a nossa vida e olhando para uma das cidades mais bonitas do algarve portimao